4 anos do Ativar Sentidos.

O Ativar Sentidos completa quatro anos e eu faço parte do time de ativadores há três. Nesse tempo em que acompanho a trupe das múltiplas ativações aprendi que apesar das muitas dificuldades da vida, quando você acredita verdadeiramente em seus sonhos, eles se concretizarão. Pode ser que nem sempre sejam exatamente da forma como você esperava, mas durante a jornada você aprende tantas coisas significativas que no final a sensação é de plenitude.

Posso dizer, sinceramente, que tenho muito orgulho de fazer parte desse projeto que segue crescendo sem perder sua essência. Fico feliz em perceber que nesses quatro anos, o Ativar não foi picado nenhuma vez pelo peçonhento bichinho “caça-cliques” e que não fomos engolidos pela ganância da busca pela audiência a qualquer custo. Mantemos nossa dignidade escrevendo sobre aquilo que acreditamos e que nos satisfaz e não apenas sobre assuntos irrelevantes mas que ganham milhões de acessos.

No Ativar Sentidos nós primamos pela qualidade sempre. E também em trazer aos nossos leitores histórias cativantes, temas que elevam a alma, que aguçam a curiosidade e principalmente, que faça quem escreve e quem lê aprender sempre um pouquinho mais. É nisso que acreditamos. É para isso que pesquisamos incansavelmente, que buscamos fazer especiais interessantes ou mostrar talentos que a grande mídia não se preocupa em levar ao conhecimento geral.

Desejo que possamos cada dia mais nos inspirar para levar inspiração às pessoas. Que nossa essência seja mantida tal qual um tesouro precioso. E que não nos percamos em busca daquilo que não é importante. Espero que o Ativar Sentidos continue sua jornada jogando limpo, pois é isso que nos diferencia dos grandes que já fugiram do seu propósito.

Que venham muitos outros anos de parcerias, de troca de conhecimento e de felicidade mútua ao perceber que os leitores aprovaram o que escrevemos especialmente para eles.

Agradeço a todos que acompanham nossa trajetória e que possamos continuar juntos em todos os sentidos. Obrigada, ATIVAR!