Início 7º SENTIDO Os 7 Anjos

Os 7 Anjos

985
Compartilhe

Alguns sonham em voar, e os anjos como disfarçar suas asas, que coçam sobre o cântico não corporal. Independente de crença, cor ou religião: são atemporais.

Os anjos (angel).

Os anjos de fé: os nascidos da esperança, os perseverantes que confiam mesmo sem ver, mas vivem a cerca da chuva de benção a cântaros. Que possui vontade inquebrantável, confiança convicta. Que não acreditam em superstições, acreditam em revelação. Que não questionam, são fiéis.

Os anjos de amor: os bobos, sensíveis, que permitem que as lágrimas escorram mesmo que sejam julgados ridículos. Que não precisam do amanhã, vivem o agora. Que não pedem reciprocidade, fazem caridade. Que não negam afeto, se doam.

Os anjos de alegria: os espontâneos, inocentes correndo solto, que brincam com sua própria diversão. Que fazem estripulias, sorrindo à toa. Que abusam de viver, se lambuzam de felicidade. Que encharcam os olhos, mas não deixam as lágrimas entristecerem.

Os anjos de rendição: os desprendidos, que esquecem de tudo, esquecem o lugar, os pensamentos, falam a linguagem da alma entregue. Que não tem consciência mundana, são corajosos e benevolentes. Que não conhecem as sombras, irradiam luz. Que vão além, transcendem.

Os anjos de cura: os regenerados, os cheios de vida, que são os guardiões da saúde e vida longa. Que não deixam sangrar, cuidam das feridas. Que não têm pressa, têm cautela. Que não morrem, renovam-se.

Os anjos de perdão: os humildes, os abnegados, que agem calados diante das injustiças. Que não destroem, fortalecem o espírito. Que não aprisionam, libertam. Que pregam a paz, são os tranquilos.

Os anjos de bem-aventurança: os afortunados, os gratos, que buscam a felicidade e são o que buscam. Que não são mesquinhos, realizam doações. Que não tratam com insignificância, tem pureza no coração. Que usam de misericórdia, num compartilhar mútuo.

Os anjos, que não são daqui, mas transitam entre nós. Estão por toda parte e em todas as coisas, são miríades de milhares. Não tem forma visível, mas podem aparecer em forma de seres humanos. Ou combinações angelicais!

Compartilhe
AnteriorOlha por onde pisa
PróximoYOGA e o sentido do Tato
Publicitária, produtora, roteirista e fotógrafa nas horas vagas. Apaixonada por música, literatura e cinema. Uma mulher comum com pensamentos comuns. Vive um estilo de vida saudável, cuida do Corpo, da Mente e da Alma. Quer saber mais? Acesse meu blog pessoal!