Início 6º SENTIDO Pensar Poético Uma Dose de Poesia: A paixão percorre nossas veias

Uma Dose de Poesia: A paixão percorre nossas veias

557
Compartilhe

Hoje, tenho a honra de dar o pontapé inicial para uma nova seção aqui no site. Trata-se de um cantinho especial para mostrar a produção em verso dos colaboradores do Ativar Sentidos e também de alguns convidados. Gostei muito de ajudar na criação desse novo espaço feito para versar. Então, chega de blá, blá, blá e venha embriagar-se com Uma Dose de Poesia

Uma Dose de Poesia - O retrato da leveza e da agonia na foto de Andrea Tomas Prato.
O retrato da leveza e da agonia. Foto: Andrea Tomas Prato/Reprodução

Da leveza à agonia

Vinha flutuando
que leveza ela tinha
negros cabelos emanando
a luz da lua
quem via dizia
anjo!
Que formosura era ela
toda nua
amava intensamente
quem amado por ela
de amor
morria.
Certo dia
envelheceu
trepidante ela vinha
ó… deus,
agonia!
Brancos cabelos como
neve encardida
ainda amava
intensamente
mas agora
era ela quem
morria.

Enquadramento perfeito na foto de Andrea Tomas Prato.
Luz, pose e enquadramento perfeito. Foto: Andrea Tomas Prato/Reprodução

Primeira desilusão

Eu tinha dezessete anos
quando a vi pela
primeira vez
loira do cabelo longo
tão pequena
voz marcante
que jamais
esquecerei.
Deitamos na grama verde
olhando as nuvens
e seus formatos tão
abusados
ela deitada sobre mim
seu cheiro era de
jasmim
senti sua respiração
pomposa e vacilante
e hipnotizante.
Eu disse, eu te amo!
À moça estremeceu
levantou saiu
desembestada
logo, meu coração
morreu.

Momentos preciosos do sexo feminino nas fotos de Andrea Tomas Prato.
Momentos preciosos do sexo feminino. Foto: Andrea Tomas Prato/Reprodução

Orgasmo

Eu entrei em você
o coração palpitante
ofegante
músculos contraídos
uma fina camada de suor
dava doçura
ao seu corpo nu
observei seus olhos revirarem
seus lábios macios
tocavam timidamente
minha pele
senti a crueza do seu
desejo tornar-se algo incontrolável
meio aos gemidos
o silêncio pairou
me senti parte de você.

Esta foi a minha primeira mini coletânea de poesia publicada aqui no site. Abaixo, deixo minha leitura pessoal sobre a força da poesia e o que ela representa. Espero que gostem!

A poesia está em toda parte, nas folhas caindo das árvores, no canto dos pássaros, nos ventos, nos mares, numa família reunida, tudo é poesia, e sinto que posso tirar algo dessas coisas. Reconstruí-las através do meu olhar, fazê-las parte de mim através de palavras que me veem a todo o momento, a sensação é longínqua, é inexplicável.

  • Ana Luisa

    Adorei!
    Muito bom!
    Muito sentido!
    Delicioso 🙂
    Parabéns 🙂