Início VISÃO Livro: Jornalismo de Revista

Livro: Jornalismo de Revista

301
Compartilhe

“Jornalismo de Revista” de Marília Scalzo
Editora: Contexto | Lançamento: 2003

SINOPSE: Os leitores costumam manter uma relação quase passional com suas revistas favoritas. Não é à toa que gostem de andar com elas debaixo do braço, como se fossem uma espécie de emblema ou sinal de identificação. Muito do fascínio deste tipo de publicação vem justamente da capacidade que ele tem de construir fortes laços de empatia com seu público. Neste livro, Marília Scalzo desvenda os segredos do jornalismo de revista, discute as técnicas de construção de um texto mais arejado, específico ao gênero, e chama atenção para os elementos básicos da esmerada linguagem visual, tão característica do produto. Debate ainda a situação e os rumos do mercado de trabalho no setor, bem como convida o leitor para um passeio histórico ao mundo das revistas – das origens do gênero às tendências que se anunciam com as novas tecnologias.

» Você pode adquirir esse livro através do site da Livraria Cultura por apenas R$ 24,90 ou nas melhores casas do ramo.

———————————————————————————————————————–

OPINIÃO: Esse foi meu livro de cabeceira na época da Faculdade, mas especificamente quando fiz meu TCC sobre Design Editorial de Revistas. Esse foi um dos poucos livros que encontrei e que me ajudou muito a conhecer a história e evolução das revistas no Brasil, e como se comporta o jornalismo de revista e suas características.

As revistas em sua maioria têm publicações voltadas para público específico, com periodicidade que varia entre semanal, quinzenal e mensal, e que vão além de simples transmissoras de notícias. A autora deixa claro que jornalismo de revista não é literatura, por isso deve existir um atrativo a mais para as páginas das revistas, como imagens e infográficos. A capa é o primeiro atrativo para que o leitor compre a revista, se ele não é leitor assíduo da publicação. É importante a linguagem ser bem definida para o público-alvo, por exemplo, se a revista é direcionada para adolescentes deve falar a “língua” deles para que eles se identifiquem, afinal a revista deve manter uma intimidade com o leitor.

Enfim, esse é um livro cheio de ensinamentos e para quem quer aprender mais sobre o universo das revistas, é uma ótima pedida.

———————————————————————————————————————–

———————————————————————————————————————–

CURIOSIDADES: Marília Scalzo é jornalista, consultora para projetos editoriais e professora do curso de Jornalismo de Moda no Senac. Formada pela Escola de Comunicações e Artes da USP. Dirigiu o famoso e concorrido Curso Abril de Jornalismo. Já trabalhou na Folha de São Paulo e em grandes revistas como Playboy, Capricho, Veja SãoPaulo, Casa Claudia e A&D, além de ter criado o projeto editorial de Claudia Cozinha. O livro faz parte da coleção Comunicação, da Editora Contexto. Assim como os outros livros lançados (Jornalismo Digital, Assessoria de Imprensa, Jornalismo Cultural etc), foca-se em questões práticas da profissão, não tem peso teórico. Porém, são leituras muito interessantes, mesmo os trechos mais próximos ao relato.

Referências: Livraria Cultura, Imagem, Papel e Fúria.