Início VISÃO Livro: O Futuro da Humanidade

Livro: O Futuro da Humanidade

212
Compartilhe
“O Futuro da Humanidade” de Augusto Cury
Editora: Sextante | Lançamento: 2005

SINOPSE: Primeiro romance do psiquiatra Augusto Cury, “O Futuro da Humanidade” oferece uma rara oportunidade de repensar a sociedade e o rumo de nossas vidas. Cury nos presenteia com uma saborosa ficção que ilustra os ensinamentos presentes em seus livros e se apóia na sua vasta experiência profissional. Esta obra conta a trajetória de Marco Polo, um jovem estudante de medicina de espírito livre e aventureiro como o do navegador veneziano do século XIII, em quem seu pai se inspirou ao escolher seu nome.

Ao entrar na faculdade cheio de sonhos e expectativas, Marco Polo se vê diante de uma realidade dura e fria: a falta de respeito e sensibilidade dos professores em relação aos pacientes com transtornos psíquicos, que são marginalizados e tratados como se não tivessem identidade.

Indignado, o jovem desafia profissionais de renome internacional para provar que os pacientes com problemas psiquiátricos merecem mais atenção, respeito e dedicação – e menos remédios. Acreditando na força do diálogo e da psicologia, ele acaba causando uma verdadeira revolução nas mentes e nos corações das pessoas com quem convive.

» Você pode adquirir esse livro através do site da Livraria Saraiva por apenas R$ R$ 15,50 (preço promocional) ou nas melhores casas do ramo.

———————————————————————————————————————–

OPINIÃO: Um amigo me indicou esse livro e quando ele disse o título, fiquei intrigado com vontade de ler. Anos depois eu estava passando por problemas pessoais e meu médico também me indicou esse livro. Daí pensei, o que tem de tão especial assim em saber qual o futuro da humanidade? Não sei, mas eu também queria saber… Sem mais nem menos minha fonoaudióloga me traz um presente e quem estava lá, ele mesmo o dito cujo que vos falo, involuntariamente vindo até mim. Enfim lá estava eu cara a cara com o livro mais indicado por pessoas da minha vida.

Confesso que comecei a ler meio contrariado, mas a cada página me surpreendia com a qualidade da narrativa, com os personagens, e a história apresentada pelo autor. Com um olhar humanitário voltado para a ressocialização de pessoas portadoras de transtornos mentais, Cury nos faz refletir sobre a maneira que a sociedade encara cada indivíduo que a compõe. O autor através de seus personagens faz uma importante critica a medicina moderna e aos médicos que conduzem seus tratamentos de uma forma fria e sem envolvimento. Esta faltando mais sensibilidade, amor e entrega nas relações sociais.

Como diz Falcão, abrace uma árvore e seja feliz!

———————————————————————————————————————–

———————————————————————————————————————–

CURIOSIDADES: Seus livros já venderam mais de 12 milhões de exemplares somente no Brasil, tendo sido publicados em mais de 50 países. Foi considerado pelo jornal Folha de São Paulo o autor brasileiro mais lido da década. Cury desenvolveu a Teoria da Inteligência Multifocal, sobre o funcionamento da mente humana no processo de construção do pensamento e na formação de pensadores. Sua teoria é usada como referência em teses de mestrado e doutorado, sendo objeto de pós-graduação lato sensu em diversas áreas das Ciências Humanas, tais como psicologia multifocal, gestão de pessoas e educação.

Frase para reflexão:
“A humanidade é uma família vivendo uma complexa teia. Somos uma única espécie, porem vivendo em mundos distintos.” Augusto Cury