Início ATIVIDADES O que você faria se NÃO pudesse sentir CHEIROS?

O que você faria se NÃO pudesse sentir CHEIROS?

754

Um mundo sem aromas, cheiros, odores. Um mundo onde não é possível sentir o aroma das frutas, o perfume das flores, os odores do cigarro, do lixo, da urina. O cheiro de maresia ou de terra molhada quando chove. Acha que esse mundo não existe? Espere até conhecer uma pessoa anósmica. E aí, o que você faria se não pudesse sentir CHEIROS?

O sentido do olfato
O sentido do olfato representado na imagem. Foto: Reprodução

Geralmente as pessoas esquecem ou não sabem da importância do olfato. Só nos preocupamos com o nariz quando existe algo que dificulta nossa respiração como uma gripe, renite, sinusite… Problemas que nos deixam com mal estar e dificultam momentaneamente nossa capacidade de sentir cheiros. Mas quando a crise passa o olfato é novamente deixado de lado.

Quando acontece algo que diminui nossa sensibilidade olfativa ou a perdemos totalmente, esse distúrbio recebe o nome de Anosmia. Ou seja, a incapacidade de sentir cheiros. Dependendo do problema de cada indivíduo, as causas podem ter origem genética, ou ser ocasionados por problemas psicossomáticos, traumas na cabeça, cirurgias nasais ou por doenças como rinites e sinusites. Além da anosmia, existem outros problemas olfativos como: hiposmia (anosmia parcial), fantosmia (sentir cheiros inexistentes), hiperosmia (olfato ultra-sensível) e presbiosmia (perda do olfato comum na velhice). Quando somos privados do sentido do olfato também teremos o paladar comprometido, pois os dois sistemas sensoriais estão intimamente ligados. É que a nossa língua só percebe os quatro sabores básicos (doce, salgado, azedo e amargo). Assim, o anósmico não consegue diferenciar um suco de uva de um suco de manga, já que os dois são doces.

Eu vivi algo parecido quando fiquei internado por 3 meses numa UTI. Precisei fazer uma traqueostomia e usar ventilação mecânica durante toda internação. Quando se usa VM em pacientes com TQT é necessário insuflar o cuff (um balãozinho de ar que serve para vedar o espaço externo entre a cânula de TQT e as paredes internas da traqueia e com isso, evitar que o ar escape pela boca ou nariz, durante as incursões respiratórias realizadas pelo respirador). Quando o cuff de uma traqueostomia permanece insuflado, o paciente não respira pelo nariz ou boca, somente através da cânula de TQT. Desta forma, eu não podia sentir cheiros, pois o ar não passava através do epitélio olfativo. Posso afirmar com convicção o quanto é ruim não poder sentir o aroma de um perfume ou o cheiro bom dos alimentos.

Que tal fazer aquele pequeno teste, hum? Tape o nariz com um protetor nasal, daqueles que as meninas do nado sincronizado utilizam. Mas continue respirando pela boca, afinal não quero ver ninguém passando mal. Ah, e faça isso por pouco tempo, pois não é correto ficar respirando pela boca. Tente degustar dois alimentos diferentes (com os olhos vendados). Podem ser doces, salgados ou amargos. Agora tente identificar quais são os dois alimentos doces, os salgados e/ou os amargos?

E você, já imaginou o que faria se não pudesse sentir os CHEIROS do mundo?